Como se tornar um bom leitor

/
1 Comments


Lembro que minha mãe sempre contava uma história para eu dormir ... Sempre achei livros um objeto interessante, queria saber o que estava escrito naqueles códigos e se um dia conseguiria decifra-los. Esse dia chegou cedo para mim e logo me tornei apaixonada por todas aquelas letrinhas, palavras, frases e depois de algum tempo histórias. Queria que esse processo fosse influenciado por minha família, esses nunca tiveram o hábito de ler. Mas também nunca negaram comprar algum livrinho de historinha infantil. E foi dessa forma resumida que tomei gosto pela leitura.

1 – Leia, nem que seja rótulo de shampoo. Nenhum leitor assíduo começou a ler vários livros da noite para o dia. Se tornar um leitor dinâmico leva algum tempo e isso requer prática! Então, pegue logo aquela receita da sua avó e vá ler! – e preparar algo delicioso.

2 – Não fique preso a um só gênero. Clássicos são chatos? Então comece lendo um livro mais atual. Que tal um Young- adult ou chick-lit? São livros divertidos e fáceis de ler. Para um novo leitor, nem perceber o tempo passando.

3 – Pare de rotular! Há quem irá dizer “Oh, esse livro é para crianças de 10 anos”, “Larga isso e vai ler o livro tal, esse sim é bom”. Quer uma dica? Não os dê ouvidos a essas críticas mesquinhas, ou simplesmente diga -  para manter a boa e velha paz em ordem - que é bom variar. Um leitor que conhece vários gêneros, sabe o que cada um tem de melhor e pior. Acaba tendo conhecimento de vários gêneros.

4 – Tire suas próprias conclusões. Não é todo livro que é indicado na Veja, vale a pena ler. Mesmo aqueles que estão fazendo rebuliço na blogosfera. Leia caso esteja realmente interessado, se não gostar é a sua opinião e isso é bom!

5 – Mantenha um ritmo. Não existe mais aquele papo furado de que não tem tempo para ler. Todos podem ter um tempinho para ler. Veja como é simples, leia 15 páginas de manhã, depois mais 15 à tarde e à noite 15 páginas novamente. No final de um dia você leu 45 páginas sem nem fazer esforço.

6 – Por último mas não menos importante. Leia nacionais! Sim, leia e aprecie bons livros nacionais, e não estou falando dos clássicos. Existem muitos autores fantásticos, poderia citar vários, mas vou deixar para uma próxima oportunidade.

Espero que essas dicas sirvam para incentivar muitos a começar a ler e a quem já é um leitor compulsivo, relembrar como foi essa experiência maravilhosa.

Gostaria de saber como foi com vocês. Podem deixar um comentário ou entrar em contato comigo. O que vale é interagir.


Curta também

Tecnologia do Blogger.